Inserir-se num movimento

Trabalhar em equipa é essencialmente preferir ao amor próprio o amor fraterno e à glória pessoal a glória de Deus.
(Pierre Schaeffer)

Trabalhar em grupo é inserir-se num movimento e não meter o movimento no seu bolso.

Construir um grupo é renunciar a si próprio em vista do bem comum, realizado numa ajuda comum.

Daí resultam, por um lado, sacrifícios, esforços em favor de outrem e discrição das ocupações anónimas; mas, por outro lado, muitas alegrias puras, entusiasmo colectivo e a plenitude duma acção concertada.