Há que decidir

Os Berberes possuem o seguinte provérbio: “Escolhe e ganharás”. E se não há motivo para escolher? Pouco importa; escolhe, doutro modo a tua ruína é certa.
(Maurois)

Mais vale ter poucas ideias e realizá-las do que possuir muitas e não realizar nenhuma.

Já alguma vez se observou um motorista na encruzilhada? Perante o condutor de vontade firme que marcou uma direcção e a mantém, os outros arrumam-se prudentemente; a hesitação é, neste caso, cem vezes mais perigosa do que a audácia.
(Maurois)

Agir, precisamente, “é, a cada minuto, libertar da confusão dos factos e das circunstâncias a questão simples, que se pode resolver naquele instante”. (Grasset)

Há que decidir-se e querer com vontade firme, inflexível, para chegar até ao fim. O importante é agir, para que alguém realize as suas concepções, e obtenha resultados. Trabalhai. Colocai pedra sobre pedra. Construí. É preciso chegar a resultados… Resultados, vede, eu não sei outra coisa.
(Foch)